Homem é preso por consultar idosos e se identificar como ‘médico enviado por Deus’ em MT

Viatura da PM em MT — Foto: Polícia Militar/MT

Um homem de 31 anos foi preso no Bairro Três Barras, em Cuiabá, nessa terça-feira (23), por após de identificar para diversas pessoas como “médico enviado por Deus”. Ele foi flagrado consultando um idoso que recentemente havia sofrido um acidente vascular cerebral (AVC). O suspeito possuía informações pessoais de pacientes atendidos por ele e venderia uma cinta com fios sem que as vítimas soubessem.


Uma equipe da Polícia Militar foi acionada via 190 para verificar uma vítima de estelionato, a testemunha se identificou como filha de um casal de idosos (61 e 65 anos) que havia recebido o suposto médico na casa da família.


As vítimas relataram que o homem entrou na casa sem permissão e se identificou como médico enviado por Deus para atender o idoso que havia recentemente sofrido uma AVC. O suspeito consultou a vítima, colocando uma cinta com fios afirmando que iria resolver todos os problemas de saúde do idoso.


O homem ainda pediu o aparelho celular do casal para conectar à internet, se comprometendo a acompanhar a família até o término do tratamento de saúde. Ele pediu ainda que o casal teria que fornecer a ele e a sua esposa, apresentada como enfermeira, toda a documentação pessoal.


Ao chegar na casa dos pais, a filha soube do médico e decidiu procurá-lo na casa da mãe do suspeito. Ao se deparar com a filha do casal de idosos, o homem fugiu do local e a testemunha acionou a Polícia Militar.


Diante das informações e características repassadas, a PM realizou diligências pela região e flagrou o falso médico em outra residência. Os policiais constataram que o suspeito é da cidade de Belo Horizonte, no estado de Minas Gerais.


O homem foi detido em flagrante por estelionato. Ele contou aos policiais que o aparelho (cinta com fios) custaria 12 parcelas de R$ 289,00 e que estaria vendendo via boleto para as vítimas sem que elas soubessem. O suspeito foi conduzido à delegacia.

Fonte: G1 MT

0/Post a Comment/Comments

Postagem Anterior Próxima Postagem